Buscar
  • BBbis

Retorno de Saturno

Atualizado: Jan 29

Quais são as principais caraterísticas de Saturno e como é que este planeta influencia a nossa vida? 

Saturno conhecido como um planeta social, representa a estrutura de valores que conduzem ao crescimento progressivo. Como diz o ditado quem semeia colhe, na minha opinião, ilustra de uma forma simples a influência de Saturno nas nossas vidas. Regra geral, Saturno se por um lado, está associado às limitações da vida, às frustrações e aos medos, por outro lado, está ligado ao nosso conhecimento, à nossa sabedoria e à nossa autodisciplina adquirida ao longo da vida.

Conforme diz Liz Greene, Saturno não representa apenas um símbolo de dor, de restrição e de disciplina, mas revela também um processo psíquico comum em todos nós. Assim o ser humano poderá utilizar essa experiência de disciplina e responsabilidade, ampliando a sua consciência e desempenho.

Saturno influencia, as nossas aprendizagens adquiridas, com restrições e frustrações. Em contrapartida, são essas mesmas experiências, que nos levam a delimitar com coerência os objetivos e metas das nossas vidas. Aquilo que chamamos de sabedoria prática!

O que é o retorno de Saturno? Quando acontece?

O estudo dos astros baseia-se na interpretação do tema astral em relação à Terra, e tem em conta a influência dos planetas do sistema solar; das constelações, dos movimentos dos corpos celestes e dos seus ciclos. Surge como uma fotografia com a respectiva localização dos planetas no zodíaco, tirada da perspectiva do local do nascimento.

Na Astrologia o termo retorno aplica-se quando determinado planeta completou o seu ciclo e retornou ao ponto em que estava no mapa astral, ou seja, no momento do nosso nascimento.

Deste modo, pode dizer-se que os retornos são sempre pessoais, dado que estão de acordo com cada mapa natal. Isto é, no momento em que um planeta retorna à posição inicial no nosso mapa astral, o ciclo renova-se.

No caso particular de Saturno, este aspeto ocorre a cada período, de aproximadamente 29 anos, ou seja o tempo que este planeta dá a volta completa ao Zodíaco.

O primeiro retorno de Saturno acontece sensivelmente aos 29 anos de idade, marcado por mudanças cujos os efeitos podem ser reconhecidos com uma duração de 2 anos sensivelmente.

As idades prováveis para os retornos de Saturno acontecem aos 29 anos, 58 anos, 87 anos e no caso de haver uma saúde de ferro aos 116 anos.

Que acontecimentos estão associados a esta fase? 

Saturno sendo regente do signo de Capricórnio e co-regente de Aquário, está associado às áreas de vida das casas X (profissão e estatuto) e XI (grupos e comunidade). Ele relaciona-se com todas as questões ligadas às fundições da nossa vida, bem como a importância da aprendizagem de regras e disciplina no percurso de vida. Astrologicamente falando, este acontecimento explica-se pela oposição de Saturno, como regente do signo de Capricórnio, a Caranguejo, signo ligado a família, raízes, bases, entre outras coisas.

O retorno de Saturno é um período de tempo, em que cada um faz uma introspeção e uma avaliação sobre tudo o que viveu até então. Questionando quais as realizações e fracassos que viveu, funcionando assim, num processo de autodesenvolvimento enquanto ser individual e social. Por outro lado, há também uma clareza e percepção sobre a nossa condição no mundo. Na verdade, é como se tudo o que se viveu até então, tivesse que ser consolidado ou alterado, com a necessidade de ocupar um lugar definido na hierarquia de valores da sociedade, representando a consolidação do Eu verdadeiro.

A possibilidade de insatisfação na forma como se leva a vida, se ela é vivida de acordo com o nosso próprio valor, e sem ter de responder a expectativas de terceiros, é grande!

De que forma é que podemos saber que estamos no nosso retorno de Saturno? 

De uma forma mais dolorosa ou mais tranquila, o retorno de Saturno conduz o início de uma nova vida, melhor e mais verdadeira, a partir de então. Num sentido mais pragmático, o ciclo do retorno de Saturno força ao desenvolvimento pessoal, com o cumprimento de responsabilidades e obrigações.

Para sabermos se estamos num retorno de Saturno, o meu conselho seria no sentido de consultar um Astrólogo Profissional para que o estudo seja elaborado seriamente, através da pesquisa das efemérides (mostra uma forma precisa a trajetória e a posição dos astros), análise das posições de cada signo, casas e aspetos que apontam o caminho para as lições necessárias, bem como o grau e natureza da própria autodisciplina.

Como é que sabemos que vamos ter um retorno de Saturno mais complicado? 

Como referi anteriormente, este aspeto ocorre num período aproximadamente de 29 anos e meio. Trata-se de um encerramento dum grande ciclo de vida, isto é, um processo que na verdade pode durar dois ou até mesmo três anos. Tudo pode ocorrer vários meses antes do aspeto chegar ao seu ápice.

Como é uma fase em que há uma nova construção de personalidade, embora por vezes seja difícil admitir isso, obviamente que os sinais prendem-se com a necessidade de abandonar velhas estruturas e recomeçar algo de novo.

Para cada pessoa será uma experiência diferente, dependendo da posição de Saturno no mapa do seu nascimento e as ligações que este faz. Mas o denominador comum será a responsabilidade com o que se quer construir, o esforço, a disciplina e a determinação para se alcançar os objetivos que se pretende.

Para aqueles que até já possuem um bom senso de responsabilidade, estrutura e autoconhecimento tendem a colher mais frutos durante essa fase. No entanto para saber precisamente se iremos ter um retorno de Saturno mais complicado, convém recorrer sempre a um profissional da área, uma vez que, cada ser humano é único e não existem mapas astrológicos iguais. A premissa sobre a qual a Astrologia se baseia é a de que a realidade de uma pessoa brota de sua paisagem interior de pensamentos, crenças, sentimentos e expectativas em timings diferentes.

Que conselhos daria a alguém que esteja a passar pelo retorno de Saturno? 

Os aspetos astrológicos referem sempre possibilidades de desenvolvimento, que às vezes implicam a análise e o reavaliar de uma decisão, ou até mesmo esperar o momento certo para agir e compreender o significado de determinada experiência de vida.

Estes períodos ou fases poderão também ser bastante positivas, se forem aproveitadas para reflexões, análise de ciclos, direcionamento de escolhas mais conscientes e estruturação de novas fases de vida.

Resistir às mudanças ou chorar em leite derramado impostas pela realidade, pode trazer desgaste emocional nesse período, provocado muitas vezes por algum sofrimento. Mas também é possível transformá-lo numa oportunidade de recomeçar de uma forma mais verdadeira e mais de acordo com o nosso propósito, incluindo novos projetos, metas e objetivos para o próximo ciclo.

Testemunho de alguém que tenha passado pelo retorno de Saturno que nos possa contar?

Partilho um testemunho da minha consulente Rita Silva, a propósito do segundo retorno de Saturno: Foi uma fase de vida que me questionei muito sobre o que iria fazer da minha vida. Se a parte amorosa que me encontrava era isso mesmo que queria para mim. Se estaria na profissão correta... tantas incertezas que surgiram nesta fase! Funcionou como uma dúvida sobre as minhas capacidades, forçando-me a viver nos limites dos nervos e da melancolia. Fui também despertada por algo que tinha vivido no trabalho, na família, ou até mesmo algo que tinha lido ou assistido em filmes… Essas dúvidas trouxeram-me uma certa angústia, afinal, era uma crise. Mas, como toda boa crise, tem um fim. Neste momento estou até agradecida a esse retorno de Saturno porque foi fundamental para eu alicerçar as minhas bases e reencaminhar a minha vida noutro sentido!”

De uma forma breve, consegue explicar-nos qual é o impacto do Saturno nos diferentes signos? 

Saturno no signo de Carneiro – ação independente, com um impulso energético e com grande espírito de competição. A aceitação de responsabilidade pode ser impedida por ações egocêntricas.

Saturno no signo de Touro – valorização pessoal, produtividade e confiança nos recursos materias. Uma obstinação conservadora e inflexível, associada ao medo de mudar e perda do controlo.

Saturno no signo de Gémeos – curiosidade, necessidade de confiar nos recursos mentais e processos de pensamento. Foco e disciplina no estímulo intelectual variado, na expressão de ideias coerentes e no pensamento objetivo.

Saturno no signo de Caranguejo – segurança, estabilidade e profunda capacidade de nutrição através das raízes familiares. Esforço para vencer o medo das emoções, da sensibilidade e da vulnerabilidade.

Saturno no signo de Leão – atividade criativa, da autoexpressão e necessidade de reconhecimento. O desejo de reconhecimento e o orgulho são fatores importantes nas responsabilidades e na aceitação dos deveres.

Saturno no signo de Virgem – capacidade analítica, organização e disciplina, orientadas para o aperfeiçoamento de habilidades e pormenores. Insegurança e medos na falta de confiança, bem como na capacidade de trabalho eficaz.

Saturno no signo de Balança – sentido apurado de justiça, equilíbrio e atividades relacionadas com o belo. Desejo de agradar os outros pode impedir a aceitação de obrigações.

Saturno no signo de Escorpião – perseverança, defesa e controlo na estrutura emocional profunda. Necessidade de confiar e esforço disciplinado na eliminação de tudo desnecessário.

Saturno no signo de Sagitário – busca na realização filosófica, na educação e formulação de ideais de vida. Disciplina, bom senso e capacidade de concentração, na aceitação de responsabilidades e obrigações.

Saturno no signo de Capricórnio – grande capacidade de trabalho, ambição e concretização das próprias ambições. Conservadorismo, autoridade e comportamento cauteloso podem conduzir a tentativas de controlo rígido.

Saturno no signo de Aquário – independência, capacidade mental e empenho nas metas sociais ou futuras. Impulsos excêntricos e de extremismo podem ser provocados por rigidez mental e insegurança social.

Saturno no signo de Peixes – dedicação, entrega e transcendência de limitações pessoais em prol da união do todo. Isolamento e tendência mais depressiva compensadas pela confiança e esforço disciplinado na compaixão curativa.


*Entrevista concedida à Revista Saber Viver


61 visualizações
  • Facebook Clean Grey
  • Instagram Clean Grey

BBbis | 2020 © Todos os direitos reservados | Fotografias Sílvia Vieira e Hugo Bernardo

Subscreva a Newsletter